Início > Arquivo Noticias > Futebol > O Murro de Sidónio
Sexta, 21 Janeiro 2022
O Murro de Sidónio PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Segunda, 01 Julho 1946 21:38
Foto: SidonioNo campeonato, a angústia do «leão» ficou marcada por peripécias várias, sendo a mais chocante passada durante um jogo com o Vitória de Guimarães, saldado pela vitória dos vimaranenses, no Lumiar, por 3-2. Na amargura da derrota inesperada, na angústia do título já perdido, um adepto chama aos jogadores do Sporting, a caminho dos balneários, «anjinhos». Sidónio, que não se equipara, sentiu o insulto como se fora a si e, impulsivo, esmurrou quem o lançara. O agredido queixou-se à Polícia, o jogador teve de responder em Juízo, na Boa Hora. Acabou condenado a três anos de prisão com pena suspensa e a alguns poucos escudos de multa...

 

Uma pequena nódoa que se branquearia, no Jamor, a 30 de Junho, na final da Taça de Portugal. Entre o Sporting e o Atlético.

O F.C. Porto voltara a passar por uma época negra no Campeonato. Fulgor, apenas na vitória histórica, sobre os alcantarenses, por 11-0. A vingança serviu-se fria: nas meias finais da Taça, o Atlético, que já eliminara o Benfica, bateu o F.C. Porto por 2-1, garantindo, assim, lugar na final, diante do Sporting, que despachara o Famalicão com precisamente 11 golos sem resposta (Peyroteu marcou seis golos).

 

Sidónio, o condenado, vingando-se da desfeita da Boa-Hora, refulgiu. O Sporting ganhou ao Atlético, por 4-2. A Taça foi entregue a Álvaro Cardoso por Américo Tomáz, então, ainda ministro do Mar, mas já sobejamente conhecido pelos seus discursos peripatéticos. O treinador do êxito foi Cândido de Oliveira, dele se dizendo que a sua «influência de orientador» fora decisiva na vitória que salvara a época.

 

Ficha do Jogo:

Alinhando pelo Sporting: Azevedo; Cardoso e Juvenal; Veríssimo, Manuel Marques e Barrosa; Armando Ferreira, Sidónio, Peyroteo, António Marques e Albano.

Pelos alcantarenses: Correia; Rosário e Baptista; Fernando Lopes, José Lopes e Moarias; Michael, Marques, Gregório, Simões e Manuel da costa.

Os golos foram apontados por Peyroteo (2), Sidónio e Albano; e por Simões e Marques.

 

In abola


Ítems Relacionados:

 

Redes Sociais

  • Facebook Page: 204936909525135
  • Twitter: scpmemoria
  • YouTube: scpcpmemoria

Escolher Campeonato

RSS Notícias

rss_videos Notícias

Siga-nos no Facebook

header_wikisporting